terça-feira, março 23, 2010

Estás à espera de que?!?!?!?















Imagino por onde andarás tu nos momentos em que não te sinto perto. E por onde vais estar tu no momento em que te tiver… Quero desse teu jeito que desconheço. Sentir-te as mãos pelo corpo num momento de intriga viciante. Saborear-te os lábios como se amanha eles não existissem. Sentir-te o corpo junto ao peito. Num momento mais que perfeito. Correr-te a língua pelo corpo num saborear delicioso da tua pele. Ver-te o êxtase a consumir-te a mente. E o teu prazer a tornar-se meu.
Acorda para o que te procura. Para o prazer que te enche o espírito de uma vontade maluca.
Imagina-me perto de ti. Observa o meu íntimo no fundo dos olhos. Encontra a inocência do meu jeito perverso. E sente o que não deve ser evitado.
Entranha-te no meu corpo . Viaja por momentos onde o tempo é irrelevante, e o único sentido vem do quanto me quiseres teu. Cai-me nos braços indefesa. Perdida do controlo a que sempre te habituaste.
Tudo passa da realidade tensa. Da atracção que não se pode negar. Do desejo que não para de crescer. Da paixão que nasce de onde não se esperava. Da provocação que não se controla. Não tenho culpa que mexas comigo de um jeito tão surreal. É tudo por causa desse charme sensual que, inocentemente, o teu jeito de ser atira para cima de mim.
Fecha os olhos para esquecer tudo o que te rodeia. Para viver coisas de um mundo aparte que nos pertence na nossa presença.
Deixa de resistir àquilo que há-de consumir-te ainda mais. A perdição não é um erro. E um estado de espírito. E uma vontade imensa de ti.
A distância sabe a pouco, porque tu sabes a muito…

6 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Olhei-te sem te ver, percorrendo mil frases, palavras e exclamaçoes que gritam seduçao sem me deter em nenhuma delas porque todas sao poucas e pequenas e falam baixo demais...O desejo nao as ouve, nem despertam a paixao... Silenciei a resposta na vontade de te explicar o inexplicavel, que a seduçao nao se fala, nao se discute nem se debate, a seduçao conversa-se em leves sinais, gestos subtis alinhavados na alma para vestir todo esse corpo sedutor e nao apenas uma ou duas das suas partes...A seduçao seduz de mansinho, sem ruido, sem alarme e lança seu manto de encanto no silencio de um olhar...
Seduzir-te com uma frase?!...nao poderia...A seduçao amanhece sem palavras.

quarta-feira, março 24, 2010 7:20:00 da tarde  
Blogger leonelcoelho disse...

gestos enchem momentos de pertinencia sem que as palavras sejam necessárias. A sedução acaba por ser um estado de espirito por onde o controlo perdido ja se foi ha muito.
Viver uma vida no limiar do desejo é uma forma de ter um acordar novo todos os dias. A

quinta-feira, março 25, 2010 2:21:00 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Acordei com fome de ti, vontade de te ter...Saudades do teu abraço, das loucuras do prazer com sabor a provocaçao...Boca cheia de pecado, molhada de tentaçao...Vem!Acorda este nécio coraçao que tem sede de viver com o fogo do teu corpo e acende o meu querer...Senta no meu colo e beija meu pescoço até me enlouquecer!...

quinta-feira, março 25, 2010 11:53:00 da manhã  
Blogger leonelcoelho disse...

A loucura do que és, fazes, tens e sentes é um labirinto onde me quero e gosto de perder. Um sem fim de sem inícios onde tudo já vai a meio. Onde o nada nunca o foi. E onde o sempre nunca deixará de o ser.
És um monte de complexismos que adoro conhecer. Um agir de imprevisibilidade que me faz pensar-te como se te conhecesse há pouco. Que me faz desejar-te como se fosses muito. Que me faz amar-te como se fosses tudo. És um puro ser com alma mas sem destino. Porque o local onde procuras chegar é o que quiseres todos os dias diferentes que se levantam em todas as manhãs.

sexta-feira, março 26, 2010 1:04:00 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Quem és tu,que chegas de repente arrombando as portas dos meus medos?!...arrancando os véus dos meus segredos, desnudando no meu corpo como chama incendiando a minha ânsia louca. Deixando este sabor na minha boca que procura a fantasia dos teus beijos que se entrega impunemente aos teus desejos que se despe sem pudor na tua frente que me envolve e me conquista finalmente, deixando muda a minha voz de espanto, que desconhece a propria ousadia mas que se faz em ti o aprendiz e que se da porque: meu corpo é o teu país...

sexta-feira, março 26, 2010 11:58:00 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Há um toque de luz na iris colorida dos teus olhos, um certo desafio que me convida uma doce inspiraçao que me motiva, um jeito de pedir que me impede de negar...Há uma fragancia que me acende um suspiro secreto que me entende, uma vontade de poder ficar... Assim... Quando tu chegas de mansinho, silenciosamente eu me escondo nos teus braços, ternamente, e o tempo tece as horas de sonhar...

sábado, março 27, 2010 12:43:00 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial