quinta-feira, dezembro 07, 2006

Sem Cera

«David sabia, porém, que nunca lhe diria. O segredo por detrás de "sem cera" era demasiado doce. As suas origens eram antigas. Durante a Renascença, os escultores espanhóis que cometiam erros ao esculpir o precioso, e caro, mármore disfarçavam frequentemente o resultado desses erros com cera. Uma estátua sem defeitos, que não precisasse de remendos, era exaltada como sendo uma "escultura sin cera", "sem cera". A expressão acabara por se aplicar a tudo o que fosse honesto e verdadeiro. A palavra "sincero" evoluíra a partir do espanhol "sin cera". O código secreto de David não era grande mistério: limitava-se a rematar as suas cartas com "sinceramente". Fosse lá pelo que fosse, suspeitava de que Susan não ia achar muita graça.»

Fortaleza digital, Dan Brown

1 Comentários:

Blogger Silvia Leao disse...

O conceito é interessante. O problema é saber se foi mesmo assim ou é apenas mais um devaneio da imaginação deste senhor...

quarta-feira, dezembro 20, 2006 3:00:00 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial