sexta-feira, abril 27, 2007

Perdido

Os dias tem-me enchido de coisas que não quero à medida que o meu ridiculo vem ao de cima.
Tudo o que me escapa pelo meio dos dedos, so acontece por eu o ter permitido. Não quero perder desta forma, não sem primeiro provar que os meus erros são admitidos e não repetiveis.
Adoro-te mais que tudo, e tu sabes disso. Es o que mais me falta, es aqula pela qual vale a pena fazer tudo, pela qual vale a pena esperar sempre, na qual vale a passar horas (mais que a fio) a pensar, sorrindo so por te ter no meu pensamento. Queria poder beijar-te mas por culpa minha não o posso fazer. Não que não te adore, mas por ter sido o que não queria ser.
Es o meu mundo. Nada fará mudar isso, porque te adoro.
Adoro-te, mas bem mais do que isso.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial