sexta-feira, março 17, 2006

Amanhecer















Naquela noite
não dormi:
fiquei na varanda
a olhar o céu estralado
e a lembrar a beleza
do mundo e da vida
a cada estrela que via.

O sol começou a nascer
e as estrelas foram-se:
entao, olhando o nascer do dia
e vendo aquele circulo laraja
brilhar cada vez mais alegremente,
um anjo voou na minha diração
vindo do céu, detrás do sol
e pousou a meu lado.
Beijou-me
por entre um abraço
num beijo que ainda
que queima e arde nos labios
de tanta saudade...
Foi-se embora
e nem lhe perguntei o nome
mas seio-o de cor
no meu coração.
É lindo
e sempre comigo ficará...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial