quarta-feira, março 15, 2006

O meu sonho

Acordei e Ela estava lá:
serena e tremendamente calma...
Era como que um sonho
do lado de cá do imaginário
que não queria que terminasse...
Não nos estavamos e tocar
mas o facto de estar ali a olha-la apenas
era como se me estivesse a dar
um decicioso beijo
por entre um aconchegante abraço.
Era tão bom que nem sabia se era um sonho
(em que acontece tudo de bom)
ou se era mesmo simples realidade...
Ainda tenho esse sentimento
a arder nos meus labios:
o sentimento de um beijo
que só eu imaginei...
Ainda hoje vivo esse momento...
e se for apenas um sonho, por favor,
não me cordem e deixem-me
ficar por aqui, voando,
nesta maravilha de sentimentos paradisiacos
a que o mundo Humano chama de
Eterno e sempre:
Amor...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial